História do meu computador!Histoire de mon ordinateur!

Publié le par Rosario Duarte da Costa

"3 Bons Amigos"

Auteur des photos sur cette page:Agostinho Russo"olhares.com

"Lua Envergonhada" 

História do meu computador!

 

São quase 20 horas e, apesar dos cortinados espessos e das persianas apenas meio abertas, o sol bate-me nas costas. É!

Farta de ouvir notícias repetitivas aqui me sentei em frente do computador, que me faz “trombas” ao ver que me falta inspiração

para escrever.

Não me importa, há sempre alguém que se zanga comigo: marido

ou filhos, relações profissionais ou sociais. Porque está certo, eu

tenho dificuldades a ser totamente dos outros. Preciso de um espaço para mim, necessito liberdade. Ou, não tivésse eu nascido no

Alentejo, com um céu imenso e um largo horizonte, os dois abertos

só para mim!

 

Então que o computador se zangue. Que me enerve. Como se ele também me não devesse nada!

Eu que tenho tanta paciência para ele, tanto cuidado a tratar do

seu corpo até ao interior das suas veias; eu que meticulosamente-

mente lhe limpo o teclado tirando-lhe todos os micróbios; eu que

lhe lustro cuidadosamente o seu ecrã, analisando por fim a parte

central (como uma médica), não esperava nada de desagradável

desta máquina que eu não pedi, mas que me impuséram,

obrigando-me mesmo a abandonar a minha linda caligrafia pela

qual toda  a gente ficava pasmada acabando por ter perdido a 

 mão do escrevinhamento!

 

Mas é assim. Toda a gente se aborrece com toda a gente. Como

se a vida não fôsse já difícil e preocupante...

E os objectos imitam-nos. Porque o homam ao dar inteligênçia

às máquinas, fêz delas objectos mimados e pretensiosos. Nunca

viram?!

- Por exemplo a televisão que morre de um ataque cardíaco; o

aspirador que parte após uma longa bronquite...

ou a lâmpada que explode por a termos utilizado demais!

São birras, meus amigos. São birras!

Rosario Duarte da Costa

Copyright

28/05/2012

"Mother Moon"

Publié dans Entre nous!

Commenter cet article