Overblog Suivre ce blog
Administration Créer mon blog
A Ti, Paco!

A Ti, Paco!

Mémoires d’autres :(2005) A ti, Paco ! Il y a dans l’amitié une perfection à laquelle bien peu de femmes sont accessibles. ( Madeleine de Scudery) Desacordo totalmente com esta frase citada.Ignoro o porquê da suposta falta de capacidade de amar, "em amizade",...

Lire la suite

Ha Horas...

H á horas E, horas impossiveis ! Como há ventos, E ventos desvairados... Sentimos frios, Sentados nos silêncios. A voz rebenta. Nos sedimentos da boca, No meio de soluços... Levanta-se o olhar. Com a paz morrendo No inicio da guerra! Rosario 22/07/05...

Lire la suite

La Nuit!

De la nuit, Qu'occulte les peurs tragiques du Temps qui dévisage, sort cette tendresse qui ruisselle dans le feuillage de ton corps, qui me regarde et sourit. Dans le nuit, J'irai à la mer contempler les écumes oubliées, dans la versification du souvenir....

Lire la suite

Zarica...

Zarica...

Porque, enfim, tudo passa; Não sabe o Tempo ter firmeza em nada; E a nossa vida escassa Foge tão apressada, Que quando começa é acabada. ( in Diario de Camões)- Ode IX ********* (foto de Gigi Melo Valente) « L’homme recherche avant tout la confirmation...

Lire la suite

Le ciel a éclaté en larmes!

Le ciel a éclaté en larmes devant les nimbes sans histoire. Souviens-toi du matin triste assis sur la désespérance des oiseaux, sans plumes! Rappelle-toi des âmes vides, dévorant le temps et le soleil. Tiens, il y a encore des arbres dénudés - en exil-...

Lire la suite

A palavra

Há Há a palavra. E o silêncio morrendo... Antes, ou depois da palavra. Palavra ou Silêncio... Silêncio e palavra Estremecendo em nós, Em cada entrada à nossa porta. Silêncio ou Palavra... Astro vivo ou morto No seio do meu corpo. Angústia chegada do meio...

Lire la suite

Oração à Deusa

Este sinal escrito Com giz branco No quadro do céu, E um circulo de luz Abrindo os caminhos A todos os sonhos. Da cama do tempo Em lençóis de pedra, Levanta-se a Deusa Esburacando as nuvens. Com um eco de então, Que nos chega aqui. Essa voz interna E...

Lire la suite

" Como tu" e " Dois contigo".

O meu pai sempre gostou muito de animais! Apesar de ele não ser homem de trabalhos agrícolas, tinha sempre galinhas, patos, coelhos, pombas e rolas! Também gostava muito de cães. Um dos primeiros companheiros dele chamava-se "Milorde".Era tão querido...

Lire la suite

O Branco e o Negro!

O Branco e o Negro!

Foi. O branco e o negro. Com Salazar de pé, estendendo a Pátria na cama do morto. Era. O branco e o negro, com o cinzento ao lado! Estavam. O amor e o ódio, Sentados. Entre Paz e Violência, no calor ou no frio. Ficaram. As noites, auroras, atadas ao tempo....

Lire la suite